quarta-feira, dezembro 07, 2016

“À Madjer” e com mais 7 milhões no bolso




Sim, a goleada com números ímpares é mais fraca do que a com números pares, sim, foi contra um Leicester desfigurado, mas no caminho facturamos sete milhões de euros e estamos onde queremos.

Corona, simplificou tudo e está um senhor desequilibrador. Brahimi, ainda guloso, mas já mais inspirado em Madjer, “matou” o jogo. André Silva, o nosso goleador-recuperador, nunca perdoou. Diogo Jota começa a percebeu melhor a equipa, muito bem nas movimentações e Herrera quase, quase fazia as pazes com o “tribunal” do Dragão.

Os problemas e as lacunas estão a ser disfarçados mas há algo que está a mudar muito nesta equipa: estamos com uma consistência defensiva que serve de "mola" aos nossos atacantes. E isso, sempre foi a nossa força. Algo sério está a acontecer a esta equipa que, reforçada com experiência em Janeiro, ainda pode dar alguma coisa.

Fechada a fase de grupos, o sorteio agendado para a próxima segunda-feira vai comportar apenas dois condicionalismos. Não poderão defrontar-se, nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões, equipas que mediram forças na fase de grupos nem clubes do mesmo país. Afastada fica, assim, a possibilidade de um embate entre Real Madrid e Barcelona, por exemplo, ou entre Bayern Munique e Borussia Dortmund. Espanha surge, de resto, nesta fase como o país mais representado, com quatro equipas.

No que diz respeito aos portugueses, para o Benfica, teoricamente surgirão o Leicester e o Mónaco como adversários mais convidativos, enquanto o FC Porto terá também na equipa francesa, orientada por Leonardo Jardim, e no Nápoles os rivais com grau de dificuldade aparentemente um pouco menos elevado.

Primeiros classificados (cabeças de série)
Arsenal (Inglaterra)
Nápoles (Itália)
Barcelona (Espanha)
Atlético Madrid (Espanha)
Mónaco (França)
Leicester City (Inglaterra)
Borussia Dortmund (Alemanha)
Juventus (Itália)

Segundos classificados (não cabeças de série)
Real Madrid (Espanha)
Paris Saint-Germain (França)
Benfica (Portugal)
Manchester City (Inglaterra)
Bayern Munique (Alemanha)
Bayer Leverkusen (Alemanha)
FC Porto (Portugal)
Sevilha (Espanha)

Sem comentários:

Enviar um comentário